AirBnb e um jeito novo de se hospedar

Categoria de hotel é o que não falta mundo a fora: os resorts, os hotéis boutiques, os design, os históricos, os com estrelas (e os sem também!!!), os econômicos, os conceitos, os albergues, os bed&breakfast … e por aí vai. Mas pra quem procura algo próximo e ao mesmo tempo diferente de tudo isso existe o AirBnb, um site que promete oferecer, de maneira confiável, aluguéis de quartos, casas e apartamentos inteiros, castelos, garagens, casa na árvore, barco ou ainda o sofá da sala para turistas do mundo todo! E qual é a do site?

Para quem hospeda:

Se você tem um espacinho vago, tem vontade (e disponibilidade) de receber gente do mundo inteiro e ainda lucrar uma graninha extra no fim do mês o site oferece garantias e estimula que as pessoas se tornem super anfitriões.

Quem aluga conta com um fotógrafo profissional gratuitamente enviado pelo site (o que no fim acaba por garantir que o imóvel é na realidade exatamente como exposto nas fotos). Ainda é possível incluir uma taxa de limpeza por período de hospedagem, bem como cobrar um depósito de garantia, que apenas será cobrado do hóspede se algo for danificado (e provado que o fato realmente aconteceu durante a hospedagem de determinado hóspede) durante a estadia.

Além disso todos os pagamento são gerenciadas pelo site para garantir que, tudo correndo bem no check-in e check-out,o recebimento das diárias aconteça 24 horas após o seu hóspede fazer o check-in e, havendo algum problema, o seguro seja acionado até 48h depois que ocorrer o check-out. DICAS: para aumentar ainda mais a segurança peça sempre maiores informações sobre o hóspede, visite o perfil e em caso de dúvidas fique a vontade para negar a hospedagem.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Para quem é hospedado:

Eu ainda não tive oportunidade de usar o Airbnb para me hospedar, mas tenho amigos que rodaram a Europa usando exclusivamente esse tipo de hospedagem. Isso me anima muito =) Me anima tanto a ponto que estou considerando apenas esse tipo de hospedagem para combater os altíssimos preços de hotéis em Nova York.

Pra quem tá procurando um lugar existem algumas boas práticas para se achar um lugar legal, com um preço bom e minimizar as possíveis dores de cabeça:

  • Preencha completamente o seu perfil e coloque inclusive foto ou atrele o seu perfil no facebook ou linkedin. Isso aumenta a credibilidade e facilita para  que seu pedido de hospedagem seja aceito pelo anfitrião.
  • Procure por anúncios que tenham as fotos verificadas pelo Airbnb. Isso significa que o apartamento corresponde ao que está mostrado nas imagens verificadas. Para saber quais são estas fotografias basta observar a tag.
  • Observe os filtros na busca para não levar gato por lebre: se você não topa dividir a casa selecione “Entire home/apt “, se você topa dividir inclusive o quarto “Shared room” e por aí vai. Mesmo assim recomendo ler com atenção o descritivo do lugar, pois vi muitos considerarem o sofá da sala como um quarto privativo! Oras, pode ter tudo nessa sala, menos privacidade né?!
  • SEMPRE prefira os anúncios que possuem reviews feitos. Assim você fica sabendo quem se hospedou antes, o que achou, os pontos positivos e, eventualmente, os negativos também! Fica mais fácil também para entrar em contato com as outras pessoas para conversar e tirar quaisquer dúvidas sobre o anfitrião ou do lugar em que ficaram hospedadas.
  • Observe o número máximo de ocupantes para o espaço. Alguns anfitriões cobram taxa por pessoa extra (além do casal). Outros nem permitem que o número máximo de hóspedes seja ultrapassado.
  • Outro ponto a ficar atento são as políticas de cancelamento do host. Ela pode ser flexível, moderada, rigorosa ou super rigorosa. Ainda há casos que o host apenas aceita aluguéis de longo período (acima de 28 noites). De modo geral a taxa do site nunca é devolvida. E aí quanto mais rígida a política menos taxas são repostas ao hóspede que cancela a estadia.
  • Leia atentamente todos os itens descritos no anúncio. Esteja atento às restrições quanto a animais, fumo ou mesmo crianças.
  • E procure muito! =) Em caso de dúvidas escreva para o anfitrião e peça para que ele esclareça as suas dúvidas!

Prometo voltar aqui e contar a minha experiência de viver como uma local e não mais como turista! =D E você? Já usou o Airbnb? ;)

About these ads

3 respostas em “AirBnb e um jeito novo de se hospedar

  1. Pingback: Airbnb: testado e aprovado! | De viagem em viagem…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s